Notícias

Falsa dentista é flagrada pela fiscalização do CROMG

Em mais um trabalho do setor de fiscalização do CROMG, que recebeu denúncia de exercício ilegal da profissão, uma mulher foi encaminhada para delegacia pela polícia militar por estar atuando como dentista sem a devida qualificação. A batida aconteceu ontem, dia 30/05, pela manhã, numa clínica do centro da cidade no momento em que a mulher se preparava para atender uma paciente de Ortodontia, sendo que a mesma sequer concluiu curso de capacitação para exercer funções de auxiliar de consultório dentário. Pela infração, a funcionária da clínica foi multada pelo Juizado Especial Criminal. Para que mais autuações como esta aconteçam, o Conselho reitera a importância da colaboração de todos, com denuncias que possibilitam a ação do setor de fiscalização. Segurança da população e dignidade profissional são prioridades do CROMG. Confira a matéria na íntegra aqui.   ...
Leia Mais

Comissão de Odontologia Hospitalar no XV Congresso Mineiro de Medicina Intensiva

Entre os dias 25 a 27 de maio foi realizado o XV Congresso Mineiro de Medicina Intensiva reunindo diversos profissionais da saúde. Durante o evento, realizado no Hotel Dayrell em Belo Horizonte, estiveram presentes os membros da Comissão de Odontologia Hospitalar do CROMG. Eles relataram a grande importância do Congresso, pois a área da Odontologia Hospitalar ainda é pouco conhecida pelos cirurgiões-dentistas. Diversos assuntos foram discutidos, como por exemplo, a adequação bucal na UTI, abordagem odontológica na sepse, novos rumos da Odontologia Hospitalar, entre outros. Na foto: Integrantes da Comissão de Odntologia Hospitalar: Dr. Thiago Martins de Moura, Dra. Juliana Lopes Alves, Dra. Renata Gonçalves de Resende, Dra. Alessandra F. de Souza e Dra. Amanda Leal Rocha. ...
Leia Mais

Exercício ilegal da profissão

Após denúncia do CROMG ao Ministério Público de Minas Gerais, iniciou-se uma Investigação Preliminar para apurar um possível caso de exercício ilegal da profissão. A pessoa é conhecida nas redes sociais por comercializar ilegalmente materiais e “personalizar” aparelhos ortodônticos. De acordo com a Lei 5.081/66, a Odontologia somente pode ser exercida por Cirurgião-Dentista habilitado, que possua diploma de graduação em Odontologia e registro no órgão de fiscalização (Conselhos Regionais de Odontologia). Segundo o artigo 282 do Código Penal Brasileiro, a punição prevista para o exercício ilegal da Odontologia é de detenção de seis meses a dois anos, podendo ser cumulada à penalidade de multa. A Nova Diretoria do CROMG não medirá esforços na luta constante pela dignidade da Odontologia. ...
Leia Mais